Birdwatching - Alentejo 1/2 dia

From EUR 65

O Alentejo é uma das melhores regiões da Europa para observar aves.
A sua localização geográfica privilegiada, permite a ocorrência de espécies de aves invernantes provenientes sobretudo do norte da Europa e de espécies de aves estivais provenientes de África, enriquecendo a já numerosa e diversificada população de espécies residentes.
O clima ameno, a diversidade de habitats e as curtas distâncias a percorrer fazem do Alentejo um destino com boas condições de observação de aves ao longo de todo o ano.

O nosso tour de meio dia reliza-se na ZPE de Castro Verde (PTZPE0046) ou/e na ZPE do Vale do Guadiana (PTZPE0047).

 

Additional Information

Nível Técnico
Nível Fisico

From EUR 65

+0 Additional options

Book Now!

Birdwatching Alentejo 1/2 dia
Tour com visita à ZPE de Castro Verde e/ou ZPE do Vale do Guadiana e Parque Natural do Vale do Guadiana.


A área de Castro Verde é a mais importante zona de Portugal para a conservação de aves estepárias.
Espécies como a Abetarda, o Sisão, o Cortiçol-de-barriga-preta, a Águia-caçadeira, o Francelho ou o Rolieiro, podem ser observadas nesta região com relativa facilidade. Regularmente são também registadas espécies como o Grifo, o Abutre-preto e a Águia-imperial-ibérica.
A vila de Mértola, para além do excepcional interesse do ponto de vista histórico, é também um excelente local para a observação de aves, sendo de realçar a colónia de Francelhos existente.
O passeio inclui também a visita a locais do vale de rio Guadiana, nomeadamente ao magnífico acidente geológico que é o Pulo do Lobo, sítio de grande beleza, onde é possível observar diversas espécies rupícolas e outras, como por exemplo a Cegonha-preta, a Águia-real, a Águia de Bonelli, o Bufo-real, a Andorinha-das-rochas, a Andorinha-dáurica, o Melro-azul e a Cia.

Habitats visitados

Planície aberta para cultivo não intensivo de cereais, sobretudo trigo, açudes, montado disperso de azinho, matos e vales fluviais escarpados. Devido à pobreza dos solos, os campos são cultivados por rotação, com os pousios a serem utilizados para pastoreio, de gado ovino e bovino. Existe algum casario disperso.

Alguns dos locais visitados são as zonas de Entradas, São Marcos da Ataboeira, Salto, Sra. de Ara Celli, Vale Gonçalinho, Alcaria Ruiva, Pulo do Lobo, Mértola, MIna de São Domingos


Horários

Tours de meio-dia têm início às 08h30 e terminam às 12h30 ou das 14h30 às 18h30 

Nota: os horários são flexíveis e adaptáveis às necessidades dos participantes.


Guia

Tours guiados por biólogos e ornitólogos residentes, com presença constante no território, o que garante um conhecimento dos locais de observação de espécies. A boa relação e conhecimento pessoal com os proprietários dos terrenos garante acesso a todas as áreas com interesse para a observação.

Dificuldade física dos percursos: Fácil a moderada
Os itinerários são efectuados em viaturas, podendo as distâncias a percorrer a pé variar de acordo com preferência e interesse dos participantes.


Material

Em todos os passeios é disponibilizado aos participantes material óptico de observação de qualidade, nomeadamente binóculos e telescópios, bem como guias de campo, para uma melhor identificação das espécies observadas.


Recomendações

Recomenda-se que os participantes levem calçado prático e adequado para andar no campo, roupa prática, chapéu, água e protector solar (especialmente nos meses de Março a Outubro).
 

Highlights

  • Biodiversidade 
  • Estepe cerealifera do Campo BrancoAutenticidade
  • ZPE Castro Verde
  • ZPE Vale do Guadiana
  • Pulo do Lobo
  • Vila de Entradas
  • Vila de Mértola

 

Route

  1. Entradas
  2. São Marcos da Ataboeira
  3. Monte do Salto
  4. Sra de Ara Celli
  5. Vale de Açor de Cima